Galafura

Este blog não consiste só em falar da Freguesia de Galafura, mas não podia deixar de referênciar a freguesia que amo muito e de onde sou natural. O nome do blog " Galafura" é por isso mesmo, pela naturalidade, pelos amigos, pelos sentimentos que me vão na alma, editarei aqui os meus pensamentos e sentimentos que nutro pela minha terra, pela minha família, pelos meus amigos, e pelo meu estado de espírito do meu dia-a-dia

quarta-feira, outubro 04, 2006

Escola secundária do Rodo, a minha paixão e minha saudade

E. S. Rodo… Minha Saudade
A vontade, de escrever para o Rodopio, surgiu enquanto folheava um dos poucos exemplares deste jornal que tenho guardado, guardados como quem guarda uma relíquia. Entre uma página e outra, várias imagens iam surgindo em flash na minha cabeça, misturando os meus pensamentos com sentimentos, trazendo até mim memórias inesquecíveis, memórias de um tempo que não volta mais, são memórias, lembranças, recordações, momentos únicos vividos que por vezes nos tocam profundamente, que nos trocam os sentimentos, que nos fazem rir e chorar e que nos trazem tanta saudade. Já vão longe os meus dias de estudante, tempos que se tornaram nos melhores anos da minha vida, vai longe o tempo em que me levantava de manhã cedo para mais um dia de vida, para mais um dia de escola, para mais uma ida até ao Rodo. Da E. S. Rodo guardo as melhores recordações possíveis, os melhores momentos, e os melhores amigos. Pois foi nesta escola que passei sete maravilhosos anos, onde convivi com pessoas excelentes, onde conheci aqueles que se iriam tornar nos meus melhores amigos, com quem, passei momentos únicos, pessoas que entraram na milha vida e ainda hoje nela permanecem, pessoas que me fizeram e fazem feliz. Foi nesta escola que me tornei na pessoa que sou hoje, não uma pessoa formada com um curso superior, mas uma pessoa com e que sabe dar valor, uma pessoa com responsabilidades, com atitudes, onde me tornei forte e sensível, onde junto com os meus amigos descobrimos o verdadeiro sentido da palavra União, o verdadeiro sentido da palavra Amizade, Amor e Saudade. Tenho saudades tuas Rodo. Saudade do tempo que vagueava acompanhado dos amigos os corredores desta escola sem nada para fazer como forma de matar o tempo, saudades das aulas chatas, que se tornavam como alvo a abater, mas que se tornaram de grande utilidade, saudade das aulas mais sérias e severas, que eram como etapas a ultrapassar, saudades das aulas onde por vezes reinava a euforia e serviam para aliviar o stress causado por outras. Sinto saudades de professores, funcionários uns mais compreensivos que outros, uns que nos ouviam e outros que enfim… Sinto saudades de um pouco de tudo nesta escola que agra é vossa, mas que um dia foi minha, esta escola que vos faz hoje felizes e que um dia também me fez, esta escola de quem hoje tenho saudade, e que vós tereis. E é relembrando estes pequenos momentos, para uns sem significado algum, mas para outros tão fortes e importantes, que as saudades apertam ainda mais e as lágrimas teimam em cair, mostrando o nosso lado mais emotivo e sensível, trazendo-nos de volta para a vida real, e relembrando-nos que é impossível voltar atrás no tempo. E a única solução que nos resta, é continuarmos em frente, mantendo vivas estas memória. Até sempre Rodo…
Ex-aluno: José Ribeiro
Obrigado Senhor pelos momentos que me proporcionas-te naquela escola. Obrigado por teres estado presente entre aquele pessoal auxiliar, que muitas das vezes fizeram um esforço enorme pra nos aturar. Obrigado, pelas pessoas que colocas-te no meu caminho enquanto estudante. Obrigado
( publicado no jornal Rodopio da E.S.R)

14 Comments:

  • At 7:36 da manhã, Anonymous Eremita said…

    Olá Zé ,fiquei emocionada com o teu testemunho,mas ao mesmo tempo alegre,por saber que hoje sabes dar valor àquilo que foi a tua paixão e saudade.
    Também eu tenho saudades,de um colégio da Casa Pai,onde estudei e aprendi valores essenciais .
    Tem sido com tristeza que tenho acompanhado a enorme "mancha" que atingiu esta digna Instituição.Mas sei que sairam desta Casa grandes H e M.
    Tal como como tu não pude continuar os estudos,porque optei por casar com 18 anos,e tudo se modificou,apesar de concluir o 11ª à noite.Sei que tinha capacidades,mas assim não se proporcionou.
    O imporante na vida é estar onde o Pai nos coloca e tentar ser o modelo do Filho com e no seu AMOR.
    Mas recordar os momentosbons fazem-nos sempre bem à alma.
    Abraço :):)

     
  • At 12:35 da manhã, Anonymous Anónimo said…

    Parabéns pelo artigo.
    Pena que actualmente haja gente da Escola Profissional Agrícola e da região com vontade de a fechar. Politiquices que partem também de quem nos governa na Régua e das outras escolas. Talvez queiram ficar com as instalações... talvez queiram fazer delas outra coisa que não uma escola. Quem sabe se não será a próxima casa de alterne dos VIPS da terra...

     
  • At 5:19 da tarde, Anonymous Anónimo said…

    frequentei,como aluno interno,(entrei no mesmo dia que o actual presidente do conselho executivo) a ainda Seccção Agricola do Rodo dependente da Escola Secundária da Régua , nos anos 1982/1991,depois escola secundária do Rodo e segundo sei é agora complexo escolar do Rodo, foi uma experiência maravilhosa,era a nossa casa pois passavamos mais tempo na escola que na nossa casa.A todos os Professores,Tecnicos, Vigilantes,auxiliares,continos e demais pessoal o meu muito obrigado....Morais 33

     
  • At 5:31 da tarde, Anonymous Anónimo said…

    Também eu fui aluno dessa maravilhosa Escola, ainda como secção Agricola do Rodo e mais tarde Escola Secundária do Rodo
    1975/1982...colega de carteira e camarata do actual presidente do Conselho Executivo(Salvador Ferreira)...era a nossa casa.
    A todos os Professores,cozinheiras,Técnicos, Auxiliares,Contínos o meu muito obrigado....Morais 33 moraislopes@iol.pt

     
  • At 10:39 da tarde, Blogger zezezinho said…

    Caro Morais!!!
    Desde já um obrigado pela visita ao meu blog, fiquei contente após a publicação deste meu texto no "Galafura" texto este que também vei a ser publicado no tão famoso jornal rodopioo pela a amabilidade daquela gente que tanto adoro e tantas saudades tenho, alguém ou melhor um antigo aluno passar por aqui e deixar um testemunho, eu não sou assim de tão longo tempo, mas ainda apanhei por dois anos as antigas instalações e acredite foram os melhor anos, é certo que com a contrução da nova escola os alunos ganharam melhores infra-estruturas, mas de que serve isso se as amizades e as uniões que eu sentia em tempos anteriores (escola velha) começaram a desvanecer-se e a formarem-se grupinhos, muito mudou nesse aspecto, mas fui muito feliz

     
  • At 1:23 da manhã, Blogger Carlos Alberto said…

    Fui o primeiro 33 do Rodo.Guardo ainda hoje o aloquete da carteira.
    Também sinto orgulho e saudades de toda a família que já então era(professores, técnicos,
    lavandaria ,cozinha,vigilantes,motoristas). Senti profunda emoção quando abri este blog.
    Um abraço a todos os RURAIS.
    Carlos Paradela

     
  • At 2:45 da tarde, Anonymous Anónimo said…

    Ainda me lembro bem de ti quando foste para lá estudar eras um miúdo, como todos nos, dessa saiu muita gente mas para mim a saudade permaneceu. e Permanecera sempre porque as recordações boas não se apagam, amigos companheiros, miudas, namoradas hoje esposas todo o que sei hoje aprendi nesta ou melhor antiga escola secundária do RODOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOO BIBA AO RODO

     
  • At 7:32 da tarde, Blogger zezezinho said…

    olá anónimo... pois eu nao estou a ver quem és lol

     
  • At 7:54 da tarde, Blogger Dulce said…

    Olá
    Também eu fiz dessa escola a minha 2ªcasa. Anos 80...
    Que saudades me deu ler os vossos Posts. ue saudades da camaradagem. E dos rallies, lembram-se? dos bailes e espectáculos naquele refeitório tão bonito. Se alguém se lembrar de mim digam. meu mail nuxa17@hotmail.com.
    Bjkas e Biba o rodo

     
  • At 11:59 da tarde, Blogger alberto said…

    Caro colega, tambem eu frequentei a velha escola do rodo como aluno (76a82) e tambem nela tive o privilegio de ser professor (87/88).Partilho esse sentimento de saudade dos bons velhos tempos e a nostalgia obviamente emocionou-me. Covido-te a visitares o clube dos antigos alunos do rodo no facebook onde espero poder vir a encontar muitos colegas.Um abraço do Alberto Miranda.

     
  • At 9:54 da tarde, Anonymous Anónimo said…

    Olá pessoal!
    Alguem se lembra do "penteadinho"??
    Digam alguma coisa.
    Fernando :)

     
  • At 4:52 da tarde, Anonymous Anónimo said…

    Olá Zé gostei de ler
    Um Abraço

     
  • At 1:23 da tarde, Anonymous Anónimo said…

    era só para dizer que também frequentei escola do rodo em 96;97;98;99 o meu ultimo ano já a escola estava a ser remodelada bem, e tenho muitas saudades dessa escola e dos amigos que la fiz, eu era da aldeia das Escavédas e chamo me Nuno Botelho.

     
  • At 11:24 da manhã, Anonymous Anónimo said…

    Ola pessoal, eu frequentei a escola do RODO do ano de 1992 a 1997, inflezmente, como sou de lonje nunca mais vi muitos amigos, tenho pena, porque de la só tenho boas recordações, amigos e bebedeiras pois no ano de 1996 e 1997 foi bebedeira todos os dias.... UM ABRAÇO PARA TODOS ESCALEIRA PERDIGÃO DE BOTICAS

     

Enviar um comentário

<< Home